CENTRO UNIVERSITÁRIO SERRA DOS ÓRGÃOS




Feito por estudantes, para estudantes: UNIFESO sedia II Coemed

06-09-2018

Acadêmicos que estão caminhando para exercer a medicina do futuro marcaram presença no II Congresso dos Estudantes de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (Coemed), realizado entre os dias 31 de agosto e 2 de setembro, no Centro Universitário Serra dos Órgãos (UNIFESO), em Teresópolis. O evento contou com um público de 400 inscritos, vindos de diversas instituições do estado, com o intuito de debater as novas demandas da área e o futuro da profissão através de atividades como palestra, minicurso, workshop, mesa-redonda e apresentação de trabalho. 

O Congresso é organizado por estudantes de diversas universidades de Medicina do estado, que fazem parte da Associação dos Estudantes de Medicina do Rio de Janeiro (Aemed-RJ). Nesta edição, a grande maioria do envolvidos são do UNIFESO, a começar pela estudante Cristina Espindola Sedlmaier, que assumiu neste ano a missão de presidir a Associação e ficou à frente do evento. Para ela, foi um desafio extremo, cumprido com excelência pelos organizadores, que revelaram engajamento e liderança. “Começamos o evento do zero. Foram três meses de muito aprendizado e levaremos conosco uma visão mais ampla de gestão e de elaboração de um evento na área médica”, avaliou Cristina.

A programação discutiu temas sobre medicina atual, novas tecnologias, carreira militar, marketing médico, ética médica, liderança, gestão em saúde, história da medicina, políticas médicas, entre outros, contando com a presença de profissionais renomados do UNIFESO e de outras instituições. Ainda segundo a estudante Cristina, o profissional tem que estar preparado para exercer a profissão diante tantas mudanças na sociedade. “Temos que lidar com desafios extremos como o ‘Dr. Google’, os constantes avanços tecnológicos e a falta de recursos, por exemplo. Estamos estudando uma medicina que Hipócrates começou a construir a anos atrás. Uma medicina que estuda o ser humano, sendo que o ser humano não mudou, o que está mudando é a tecnologia. Por isso temos que discutir a postura de um médico diante desta nova era”, justificou. 

Leonan Santana de Lima, do sexto período de uma universidade de Volta Redonda, esteve entre os estudantes que compareceram ao evento. “Participar destes encontros conta muito para o nosso futuro profissional”, notou Leonan. 



Abertura do Coemed

Foram convidados para compor a mesa de abertura a professora Mariana Beatriz Arcuri, diretora do Centro de Ciências da Saúde (CCS); o professor Manoel Pombo, coordenador do curso de Medicina; o professor Daniel Hernandez, como presidente de honra do evento; a estudante Cristina Espindola Sedlmaier, presidente da Aemed-RJ e do II Coemed; e o ginecologista e obstetra Antônio Rodrigues Braga Neto, que ministrou a palestra sobre “A importância das humanidades para a Medicina”. 

As palavras iniciais ficaram por conta da estudante Milenna Souto, fundadora e ex-presidente da Aemed-RJ. Segundo ela, a Associação surgiu de um anseio de representatividade compatível com o que os estudantes de medicina realmente esperavam. “Amadurecemos a ideia de construir uma entidade que fosse verdadeiramente representativa para nós estudantes. Temos o lema de que ‘a Aemed defende a medicina de maneira intransigente’, vivemos trabalhando para a formação de um médico de qualidade para o futuro”, afirmou Milenna, formanda pelo UNIFESO. 

Na visão do professor Manoel Pombo, coordenador do curso de Medicina, a Aemed-RJ é uma nova representação estudantil que vem ganhando força, tendo uma grande influência dos estudantes do UNIFESO. “É um grande prazer presenciar este evento que é motivo de orgulho para o nosso curso, porque estamos expandindo a nossa Instituição para além da nossa região”, observou o professor Manoel Pombo.



Premio Dr. Daniel Pinheiro Hernandez

Nesta segunda edição do Coemed, o Prêmio de Excelência Acadêmica que leva nome do professor Daniel Pinheiro Hernandez, do UNIFESO, foi conferido  à Dra. Simone Rodrigues, diretora de Ensino HCTCO. O Prêmio é uma homenagem a médicos e professores com relevantes serviços prestados à Educação Médica e à Medicina Brasileira. Ele foi criado em 2017 pela Aemed como um reconhecimento à trajetória do professor Daniel Hernandez.



Foto: Jorge Linhares