CENTRO UNIVERSITÁRIO SERRA DOS ÓRGÃOS




IV Confeso debate a importância e o papel do Cirurgião Geral

29-08-2019

A mesa-redonda “Cirurgia Geral em Foco” foi uma das atividades apresentadas pela Residência Médica para o IV Congresso Acadêmico-Científico do Centro Universitário Serra dos Órgãos (IV Confeso). O evento, que aconteceu no dia 28 de agosto, contou com a palestra do Dr. Savino Gasparini e com a participação dos médicos Alberto Teles Lopes, Marcos Filgueiras, Pedro Henrique Ferreira Baddini, Tarcício de Oliveira Givisiez e Wellington Alencar Braga Morales.

Dr. Savino discorreu sobre o papel do Colégio Brasileiro de Cirurgiões (CBC) na formação dos cirurgiões, instituição da qual é presidente. “Até meados dos anos 60, a cirurgia no Brasil era totalmente influenciada pelos métodos europeus. Os filhos de famílias mais abastadas iam estudar Medicina na França, na Inglaterra ou na Alemanha. Porém, nesta época, o Colégio Americano de Cirurgiões já começava a desenvolver as suas ideias, e os médicos brasileiros conheceram os novos métodos. A partir de 1970, todos os médicos formados no Brasil passaram a ter uma formação quase que totalmente americana”, explicou.

O palestrante também contou como era o método de aprendizagem na sua época e as evoluções pelas quais a Cirurgia Geral passou ao longo dos anos. “Na minha época, a demanda de pacientes graves aumentava, cada vez mais, nos hospitais, e tínhamos que aprender rapidamente. Basicamente, o que fazíamos ao começar a trabalhar em um hospital era olhar uma cirurgia, na segunda vez, executávamos o que tínhamos visto e, na terceira oportunidade, passávamos adiante o que tínhamos feito. Hoje os profissionais que ingressam na Medicina contam com uma infinidade de aparatos tecnológicos e de manequins para aprender”, observou.

Por Juliana Lila