CENTRO UNIVERSITÁRIO SERRA DOS ORGÃOS




Unifeso participa de cerimônia de lançamento do Serratec, o Parque Tecnológico da Região Serrana

14-06-2019

O Centro Universitário Serra dos Órgãos (Unifeso), através do Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT), foi convidado para participar da Assembleia de Constituição do Comitê Executivo do Serratec. No dia 12 de junho, representantes da Instituição estiveram presentes no Laboratório Nacional de Computação Científica, em Petrópolis, para prestigiar a cerimônia de lançamento que celebrou a formalização do Parque Tecnológico da Região Serrana como associação sem fins lucrativos. 

O Parque tem como objetivo unificar as iniciativas nas áreas de tecnologia e de inovação das três cidades serranas: Petrópolis, Teresópolis e Nova Friburgo, incentivando o desenvolvimento econômico e sustentável regional. Na ocasião, também foram formatados a Diretoria Executiva e conselhos, compostos por empresários e representantes do segmento.

“Temos uma parceria com a Prefeitura de Teresópolis na elaboração da Lei de Inovação do município e é fundamental que os três municípios estejam alinhados com essa Lei. A partir de agora, com a instituição do Parque, será criado um Conselho Consultivo, e é de extrema importância que o Unifeso esteja presente como instituição de ensino”, declarou a professora Elaine Maria de Andrade Senra, Diretora de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão do Unifeso. 

“Lançado em março pela Prefeitura e o Unifeso, o Programa InovaTerê será parceiro do Serratec. Nosso programa foi criado para desenvolver a cultura da inovação e do empreendedorismo, visando novos negócios e empregos no município”, explicou Vinicius Oberg, secretário municipal de Trabalho, Emprego e Economia Solidária ao representar a Prefeitura de Teresópolis na solenidade de formalização do Serratec.

A intenção da presidência do Serratec é de que, com a nova formulação, sejam construídos pilares e metas que preveem a constituição de cursos de qualificação para mão de obra, a construção de um portal de negócios, com a apresentação de soluções, demandas, banco de currículos, tudo estruturado para fortalecer o arranjo produtivo local. “Nosso objetivo é engajar todos os setores para fortalecer o desenvolvimento baseado na tecnologia e o Serratec será o catalisador desse movimento. O Serratec pode ajudar novas empresas a se estruturar, poderá realizar convênios e estabelecer metas para desenvolver a inovação nos três municípios”, explicou Marcelo Carius, CEO da Neki IT e presidente do Serratec.

O Unifeso tem apostado alto na área de tecnologia, abrindo cursos de graduação, investindo na capacitação de profissionais e na construção de um prédio com diversos laboratórios e espaços equipados para o ensino-aprendizagem e pesquisas no segmento tecnológico. A professora Vivian Telles Paim, diretora do Centro de Ciências e Tecnologia (CCT), destacou a importância da Instituição estar inserida no Serratec . “Somos uma Instituição referência para o nosso município e entendo que o CCT terá uma participação fundamental para que esse processo aconteça, pois desenvolvemos as ferramentas na resolução de problemas e promovemos o capital humano na área tecnológica”, defendeu Vivian. 

O Unifeso também foi representado no evento pelos professores José Roberto Andrade, assessor do NIT, e Laion Luiz Fachini Manfroi, coordenador do curso de Ciência da Computação. 



Saiba mais sobre o Serratec

Criado em 1998 com o nome de Tecnópolis e instalado em Petrópolis, o Parque Tecnológico Região Serrana tem como principal objetivo criar condições para instalação de empresas de tecnologia da informação, gerando um ambiente de futuro e inovação e, consequentemente, empregos e renda. O Serratec dará apoio às atividades das empresas com capacitação de recursos humanos especializados, criação de um portal de informações e ações para melhor estruturar o setor na região, criando condições para uma maior sinergia entre as mais de 170 empresas de TI da Região Serrana. 



Por Giovana Campos