Estudantes do UNIFESO na final brasileira da Maratona de Programação  
publicado em: 14/09/17

Os estudantes Gabriel Duarte, Alexandre Pereira e Gustavo Chermout, do curso de Ciência da Computação do Centro Universitário Serra dos Órgãos (UNIFESO) integram a equipe que ficou entre as três finalistas da primeira fase da XXII Maratona de Programação, realizada no dia 9 de setembro, no Rio de Janeiro. Agora eles se preparam para a grande final brasileira, marcada para 10 e 11 de novembro, em Foz do Iguaçu (PR). 

“Estou muito alegre, pois o que começou como uma brincadeira e curiosidade rendeu o melhor resultado em uma competição de Maratona de Programação pela nossa Instituição. Conseguimos o terceiro lugar em uma sede com trinta e sete equipes, entre elas as melhores do Brasil. Agora é rumo à competição Brasileira”, comemorou o estudante Alexandre. 

Para o coordenador do curso, professor Laion Manfroi, a premiação é motivo de grande orgulho. “À frente de todas as particulares do estado do Rio de Janeiro”, postou o professor em sua rede social, parabenizando os estudantes e agradecendo a motivação do professor Rafael Monteiro, que orientou a equipe. 

Segundo Rafael, “a Maratona exige dos estudantes muito trabalho em equipe. Eles têm que cooperar revezando dois no papel e um no computador, pois só tem uma máquina por equipe. É uma dinâmica muito rápida, que parte de contextos simulados em que eles têm que escrever um programa de computador para resolver o problema apresentado”. 

A Maratona de Programação é um evento da Sociedade Brasileira de Computação que existe desde o ano de 1996. Ela se destina a estudantes de cursos de graduação e início de pós-graduação na área de Computação e afins, promovendo a criatividade, a capacidade de trabalho em equipe, a busca de novas soluções de software e a habilidade de resolver problemas sob pressão. Os times são compostos por três estudantes, que tentam resolver em cinco horas o maior número possível dos dez ou mais problemas que são entregues no início da competição. 

O UNIFESO aposta anualmente, desde 2003, na Maratona de Programação interna promovida pelo curso de Ciência da Computação juntamente com o Seminário de Programação para incentivar e aprimorar os talentos locais. Na edição de 2017, a competição atingiu o recorde de inscritos com dez equipes na disputa da Instituição, selecionando as melhores para concorrer na primeira fase nacional.