CENTRO UNIVERSITÁRIO SERRA DOS ORGÃOS




Abre Portas realiza ação no Campos Salles

08-06-2018

Estudantes e professores de diversos cursos das áreas de Humanas e Sociais, Tecnologia e Saúde do Centro Universitário Serra dos Órgãos (UNIFESO) participaram, no dia 6 de maio, de uma grande ação do UNIFESO Abre Portas no Colégio Estadual Campos Salles, na Barra, dando a oportunidade aos estudantes do Ensino Médio conhecerem as profissões, campos de atuação e mercado de trabalho. 

No projeto Rumo à Universidade, foram realizadas atividades práticas que ilustraram atividades profissionais do dia-a-dia, pesquisas e projetos desenvolvidos por acadêmicos, além de palestras ministradas em sala de aula sobre assuntos pertinentes a cada área. Foi através de uma ação como esta que o estudante Nathan Aquino de Oliveira, do segundo ano de Ciência da Computação, escolheu sua profissão. “Fui estudante do Campos Salles e quando estava no primeiro ano do Ensino Médio assisti a uma apresentação do curso do UNIFESO como esta no colégio, e me interessei bastante. Acho isso muito importante e estou muito feliz por estar revivendo o momento em que pude conhecer a faculdade que hoje estou cursando”, observou. 

Rafaela Correia da Silva, do terceiro ano, não saiu de perto dos acadêmicos de Fisioterapia, vislumbrando a profissão que vai seguir. “Meu irmão teve uma fratura e precisou fazer algumas sessões de Fisioterapia. Ele foi encaminhado para a Clínica-Escola de Fisioterapia do UNIFESO e, conforme eu fui acompanhando o trabalho dos profissionais e estudantes de lá, fui me apaixonando por esta profissão. Hoje eu já sei que é lá que vou apostar no meu futuro”, afirmou. 

Entre os assuntos escolhidos para debater entre os estudantes do Ensino Médio, a palestra sobre Crimes Cibernéticos lotou a sala de aula de ouvintes muito interessados. Ministrada pelo professor Renato Meirelles Netto, das disciplinas de Direito Penal, “teve um enfoque especial na realidade do jovem de hoje, discutindo questões como o compartilhamento de mídias e a invasão de privacidade”, contou o palestrante.