CENTRO UNIVERSITÁRIO SERRA DOS ÓRGÃOS




Ceso conquista terceiro lugar na etapa regional da Olimpíada Brasileira de Robótica

06-08-2019

A equipe Pantheon, formada por alunos do 3º ano do Ensino Médio do Centro Educacional Serra dos Órgãos (Ceso), conquistou medalha de bronze na etapa regional da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR), sediada pelo Centro Universitário Serra dos Órgãos (Unifeso), no dia 3 de agosto. Os alunos agora irão preparar o robozinho Kymera para a competição estadual, que acontecerá, dia 22 de setembro, em Petrópolis.  O Ceso foi representado também por uma equipe do 1º ano do Ensino Médio, porém, que não conseguiu se classificar.

A competição destina-se aos estudantes de escolas públicas ou privadas dos ensinos fundamental, médio ou técnico, em todo o território nacional, e é uma iniciativa gratuita e sem fins lucrativos. A etapa regional teve três rodadas, e cada equipe fez com que seus robôs executassem as tarefas solicitadas pela bancada de avaliadores. Os que conseguiram cumprir os desafios em um tempo menor, se classificaram para a etapa estadual da Olimpíada. 

“Esta é a segunda olimpíada que disputamos. Uma das principais dificuldades que encontramos ano passado foi fazer o robô desviar do obstáculo. Este ano, focamos em otimizar o robô no seguimento de linhas e no desvio de obstáculos”, contou João Guilherme Breder Carneiro Nogueira, um dos integrantes da equipe Pantheon. Ele disse que, para o estadual, o foco será treinar o robô para o resgate de vítimas, ou seja, terão que fazer com que a garra da máquina consiga pegar algumas bolinhas. 

“Nos reunimos uma vez por semana, na sala de informática do Unifeso, junto com os estudantes do curso de Ciência da Computação. A OBR é uma grande porta de entrada para quem quer estudar tecnologia da informação”, explica João Guilherme, que pretende prestar vestibular para Ciência da Computação.  



A competição sediada pelo Unifeso contou com a participação de 35 equipes da Região Serrana do Rio de Janeiro e adjacências. “Estávamos com dificuldade para montar o robô, mas superamos. Nosso maior aprendizado foi que, para obtermos o sucesso em robótica, é necessário tentar várias vezes”, disse Pedro Henrique Breder, aluno do 1º ano do Ensino Médio do Ceso, que competiu pela primeira vez na OBR.

O professor Laion Manfroi, coordenador do curso de Ciência da Computação do Unifeso, conta que a OBR é a principal competição do tema no Brasil, possibilitando que alunos trabalhem com desafios da robótica, que é uma das áreas que sustentam o que chamam de Futuro das Profissões. “A robótica nada mais é do que a computação física e possibilita que os alunos coloquem a mão na massa e tangibilizem a tecnologia. E isso deixa os desafios muito mais motivantes para todos os que participam”, explica Laion. 

Equipes classificadas para a etapa estadual da OBR:

Nível 1:

1º lugar: People Heroes - People Petrópolis    

2º lugar: Infotec Machine Robots - Centro Educ. Petropolitano Cristão (CEPEC)

3º lugar: Infotec Tilt - Centro Educ. Petropolitano Cristão (CEPEC)

Nível 2:

1º lugar: SIR Breguete - CPTI Petrópolis - Faetec

2º lugar: Tech4bots I - Tech4m3 Escola de Tecnologia e Inovação

3º lugar - Pantheon - Ceso



Por Juliana Lila

Outras Notícias





Atendimento On-line